sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Perigo mensal.

Tava analisando os post antigos do nosso blog e vi que ainda não tinha escrito sobre esse assunto,que direta ou indiretamente influencia muito no destino de um relacionamento: a TPM!
Por incrível que pareça,após eu notar esse detalhe no blog,sobe a janelinha do meu MSN avisando que uma amiga tinha acabado de entrar..Tava tudo ok ate eu fazer a besteira de tentar conversar com ela.Não vou dar detalhes do dialogo por que acho que na terceira linha ela ja me mandou pro inferno e saiu do MSN.Ai eu fico pensando: Se eu,que sou apenas amigo dessa criatura,quase sofro um TPM'cidio pelo MSN,imagina o que não passa o namorado dela?! Depois de um namoro de 1 ano e 6 meses,e outro de 1 ano e dois meses..Eu vi o mal que a TPM pode causar..Quando chegava a época maldita,eu já sabia que não dava pra conversar.Quem não passou por isso pensa: "Ah,não deve ser assim.." Acredite,é anormal! Mulher na TPM é algo que nenhum homem - até hoje - nunca conseguiu entender e nem soube o que fazer. Basta um simples "oi" para que elas já começem a chorar:

-Pooor quê você falou oooooooooiii,

Ou então começam a esbravejar:

-Oi!? OI?! E VOCÊ AINDA FALA OI?! OI O QUÊ EM? OI O-QUÊ?*gritando*

Selecionei os casos mais comuns de explosão mortal da TPM,e suas respectivas respostas para evitar um colapso nervoso na sua namorada.Então,pra sua própria segurança,memorize:

Frases e procedimentos para sobreviver a uma mulher com TPM:

1-)PERIGOSO: O que tem pro jantar?
SEGURO: Posso te ajudar com o jantar?
SEGURÍSSIMO: Onde você quer ir pra jantar?
ULTRA-SEGURO: Olha.. trouxe um chocolate.

2-)PERIGOSO: Você vai vestindo ISSO?
SEGURO: Nossa, você fica bem de marrom.
SEGURÍSSIMO: Uau! Tá uma gata!
ULTRA-SEGURO: Olha... trouxe um chocolate.

3-)PERIGOSO: Tá nervosa por quê?
SEGURO: Será que não estamos exagerando?
SEGURÍSSIMO: Vem, deixa eu te fazer um carinho...
ULTRA-SEGURO: Olha... trouxe um chocolate.

4-)PERIGOSO: Será que você devia comer isso?
SEGURO: Sabe, ainda tem bastante maçã.
SEGURÍSSIMO: Quer um copo de vinho pra acompanhar?
ULTRA-SEGURO: Olha... trouxe um chocolate.

5-)PERIGOSO: O que você fez o dia todo?
SEGURO: Espero que você não tenha trabalhado demais, hoje.
SEGURÍSSIMO: Adoro quando você usa esse robe!
ULTRA-SEGURO: Come mais um pouco de chocolate.

Lembrando que essas situações variam de mulher pra mulher..Pode ser que realmente aconteça assim,ou seja totalmente o contrario.TPM é o mal! O que normalmente acontece com as mulheres que convivi(Mãe/irmã/namorada), é que no período de TPM,parece que os movimentos dos membros inferiores e a capacidade de interpretar o que nos falamos é totalmente desligado,tornando impossível que ela saia da cama de manhã,ou entenda uma frase por completo nesse mesmo período.Ou seja,nem tente estabelecer contato com a mesma de manhã,ou pode acontecer algo do tipo:

Percebam que vou nivelar a quantidade de stress por frase falada pelo companheiro.

O marido,ao chegar em casa da padaria de manhã chega ao lado da cama e diz a esposa(TPM) que estava deitada :

- Querida, eu quero amá-la.

A mulher(TPM²) diz:

- A mala… ah não sei onde está,não! Use a mochila que está no armário do quarto de visitas.

Ele insiste:

- Não é isso querida, hoje vou amar-te.

Ela levanta o travesseiro que estava sobre a cabeça e diz:(TPM¹²³)

- Por mim, você pode ir até Júpiter, até Saturno e até à puta que o pariu, desde que me deixe dormir em paz caralho!


E como disse,essa 'coisa' acontece com a maioria das mulheres..Que mesmo estando psicologicamente preparada acaba perdendo o controle e chutando o balde.Essa semana estava eu conversando com uma amiga e colaboradora na parte de variedades..E logo percebi que o perigo estava próximo.Descreverei mais ou menos como aconteceu,dividindo a TPM em fases:


Há 3 dias atrás foi assim (Fase da manha):

Eu: -Oi, amooorrr, tudo bem?
Ela: -Mmmmmmm (fazendo manha, com beicinho)
Eu:-O que aconteceu?!
Ela: -Mmmmmmm
Eu: -Tá carente, é?
Ela: -Mmmmmm

*Fim do dialogo*

Há 2 dias (Fase sem educação):

Eu: -Oi Coraçaãooo! Você fez aquela planilha que eu pedi?
Ela: Ah, sim, claro, porque não? Você já pediu há 10 minutos, muito tempo você me deu, né? Afinal, para fazer uma planilha eu só teria que ser alfabetizada né? Faz o seguinte: Por que você não vai dar uma volta lá fora e volta depois de 3 horas? Garanto que aí sai. Ah! E desculpe a demora, viu? *pensando: FDP!*

Ontem (Fase chorona):

Eu: -Oi, Razãããoo, tudo bem?
Ela: -Buáááááá!!! Eu odeio viver! A vida me odeia! Ninguém me entende! Não valho uma pipoca!
Eu: -Quer que eu ligue depois?
Ela: -Ááááááááááááá!!!! Nem você gosta de mim! O que vou fazer, o que vou fazer?? Buááááááá!!!!!

Hoje (Fase vai se fuder):

Eu: -E aí, beleza?
Ela: -Não.
Eu: -Que houve?
Ela: -Não interessa. Aliás, dá para calar a boca que tô com dor de cabeça?
Eu: -Nossa, irritadinha você, hein?
Ela: -Ah, vai tomar no seu **


Pelas minhas contas,não se preocupa,amanhã vem. Deu pra entender mais ou menos né? Resumindo basicamente, elas passam pela primeira fase,a fase 'Meiguinha'..De uma hora pra outra ela começa a ficar dengosa, grudentinha. Te abraça do nada, fala com vozinha de criança e usa várias palavras no diminutivo. A fase termina com uma vontade absurda de comer chocolate. O que se segue, é uma mudança sutil desse comportamento, aparentemente inofensivo, para um temperamento um pouco mais depressivo.A segunda fase é a 'Sensível'.Ela passa a se emocionar com qualquer coisa, desde uma pequena rachadura em forma de gatinho no azulejo em frente à privada, até uma reprise de um documentário sobre a vida e a morte trágica da Lady Di. Esse estágio atinge um nível crítico com uma pergunta que assombra todos os homens:

- Você acha que eu estou gorda?

E essa pergunta, meus amigos, é só o começo da pior fase da TPM. Essa pergunta é a linha divisória entre essa fase sensível da mulher para uma fase mais anti-social.Ai vem a terceira fase,a 'Explosiva'.Essa é a fase mais perigosa da TPM.Você chega na casa dela, ela está de pijama, pantufas e descabelada. A cara não é das melhores. Ela te dá um beijo bem rápido, seco e sem língua. Depois de alguns minutos de silêncio total da parte dela, você pergunta se está tudo bem. Ela responde: “ Tá” . A partir daí, tudo que você disser vai ser respondido atravessado ou vira motivo para um esporro ou uma DR daquelas. Sugestão. Fale o mínimo possível e vá embora na primeira oportunidade. Ai vem a fase que pra mim,é o castigo por tudo que nos homens passamos na ultima fase,a fase da 'Cólica'.No dia seguinte o telefone toca. Ela está com uma voz chorosa, diz que está com uma cólica absurda, de não conseguir nem andar. Você vai à casa dela e ela te recebe dócil, super amável. Faz uma cara de coitada, como se nada tivesse acontecido na noite anterior, e te pede pra ir à farmácia comprar um Atroveran, Ponstan ou Buscopan pra acabar com a dor dela. Pronto! A paz reina novamente. A cólica dobra (literalmente) a fera e vocês voltam a ser um casal feliz.

E a propósito,aceitam um chocolate?!

Beijo no cotovelo ;*

4 comentários:

Tyta Nogueira disse...

conheço um ser aculá que tá nessa fase...sencivel + explosiva...tadinha... ainda bem que eu a amo!

mas tb tenho =/ mas não sou de matar...só as vezes!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


♥ bjoo

amandinha disse...

eu aceito o chocolate ^^ e eu não sou gorda! saoihsaoihsaoihas

Michelle disse...

hauhauahauaau

isso é... anormal!!

adorei!!
beeeeeijos

millis disse...

muiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiitooo bommmmm! Puraa verdade, confesso!